quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Barco em Tela

Porque à deriva andamos, como que escondidos de nada. Atormentados por passagens, lutamos contra a fúria das águas. Águas que nos puxam para o fundo do abismo, onde a escuridão nos encontra. Damos por nós perdidos, sofridos, lamentando o que sabemos.
Kiss Kiss

Sem comentários: